Jovens de São Paulo criam etiquetas de roupas para deficientes visuais


 

A iniciativa das estudantes do Curso de Design de Moda, do Centro Universitário Belas Artes, em São Paulo revelou a importância de tornar a moda algo acessível a todos.

Parte do projeto Sense, que elas criaram para o Trabalho de Conclusão de Curso, faz com que as etiquetas trazem, além do braile, QR Codes que podem ser acessados pelo celular. Assim, os deficientes visuais podem acessar informações como cor, tamanho, detalhes visuais e instruções de lavagem de forma autônoma.

De acordo com a dupla, as ideias do projeto surgiram a partir de entrevistas com pessoas cegas, que relataram as principais dificuldades na hora de comprar roupas. Falta de acessibilidade nas lojas, falta de profissionais aptos a ajudar, dificuldade para interpretar as peças e a necessidade de ir fazer compras acompanhado foram os problemas mais apontados.

FONTE: R7